Lápis Mágico

O leão e o mosquito

Muitas vezes o menor de nossos inimigos é o mais temível. Conheça a fábula O leão e o mosquito, uma adaptação da fábula de Esopo

O leão e o mosquito

Um leão, estava a descansar e estava a ficar aborrecido com um mosquito que não parava de zumbir ao redor de sua cabeça, mas o mosquito não lhe ligou.

— Achas que vou ficar com medo de ti só porque pensas que é rei? – disse ele altivo, e em seguida pousou no leão e deu uma picada no seu focinho.

Indignado, o leão deu uma patada no mosquito, mas a única coisa que conseguiu foi arranhar-se com as próprias garras. O mosquito continuou a picar o leão, que começou a urrar como um louco. No fim, exausto, enfurecido e coberto de feridas provocadas por seus próprios dentes e garras, o leão desistiu.

O mosquito foi embora a zumbir e foi contar a todos que tinha vencido o leão, mas entrou numa teia de aranha. Ali o vencedor do rei dos animais encontrou seu triste fim, comido por uma aranha minúscula.

Moral da história: Muitas vezes o menor de nossos inimigos é o mais temível.

Adira à nossa lista especial para receber conteúdos didáticos