Lápis Mágico

A lenda da bengala doce

A bengala doce tornou-se um símbolo de Natal e passou a ser pendurada na árvore de Natal. Descubra como.

A lenda da bengala doce

As bengalas doces ou candy canes (como são conhecidas em inglês) são uma tradição de Natal muito antiga, que nasceu na Alemanha em 1670.

Segundo a lenda, o responsável pelo coro da Catedral de Colónia, na Alemanha, queria fazer a tradicional apresentação do Presépio vivo mas as crianças eram muito barulhentas.

Então, pediu a um confeiteiro que criasse uns palitinhos para os mais novos. O confeiteiro teve então a ideia de criar uma bengala de açúcar, com riscas brancas e vermelhas.

A vara longa com gancho a fazer lembrar os pastores que visitaram Jesus na manjedoura; as riscas brancas porque Jesus é puro e vermelhas pelas dificuldades que Jesus atravessou. Finalmente, o aroma a menta para purificar. A bengala doce foi um sucesso entre as crianças e adultos.

E assim, as bengalas doces tornaram-se uma tradição de Natal que se espalhou por outros países, tornando-se habitual pendurá-las nas árvores de Natal.

A lenda da bengala doce


JÁ FAZ PARTE DA LISTA?

Adira à nossa lista especial para receber conteúdos didáticos