Lápis Mágico

Não quero ficar sem dentes!

O Ricardo vê o amigo sem um dente e fica assustado. Ele também vai perder os dentes? Vai doer? Uma história didática para contar ao final da noite aos pequenotes.

Não quero ficar sem dentes!

O Ricardo tem 5 anos e adora os seus amigos. É um menino muito falador e brincalhão e todos gostam dele.

Quando chega da escolinha conta tudo o que fez durante o dia aos seus pais, com muito entusiasmo.

— Sabem uma coisa estranha? O meu amigo Carlos ficou sem um dente.

— Ficou sem um dente? Ah, saiu-lhe um dente? É natural, querido. Sabes que é por esta idade que os meninos perdem os dentes de leite para lhes nascerem os definitivos.

— Saem os dentes? A mim também? Não quero ficar sem dentes. – disse ele a choramingar.

A mãe deu um sorriso e disse:

— Senta aqui que eu vou explicar: como sabes os bebés nascem sem dentes e por volta dos 6/9 meses começam a nascer os primeiros dentes, que são os dentes de leite. Mais tarde, entre os 5 e os 7anos, os dentes de leite caem e nascem os dentes definitivos.

— E vai doer? Eu não quero que os meus dentes saiam. - Diz ele assustado.

O pai que também estava a assistir à conversa respondeu:

— Não precisas ter medo. Não dói nada porque normalmente eles saem de forma natural. E tu és um menino corajoso, ias agora ficar com medo de perder um dente? Claro que não.

— Já agora sabes quantos dentes tens agora? Tens 20 os dentes de leite. E quando tiveres os definitivos serão 32. E já agora, nunca é demais relembrar os cuidados que devemos ter com os dentes.

O Ricardo, que ouvia tantas vezes as recomendações dos pais, disse:

— Já sei, já sei. Devemos lavar os dentes pelo menos 2 ou 3 vezes ao dia; devemos evitar comer doces e beber bebidas açucaradas e ir ao dentista pelo menos 2 vezes por ano. É assim, não é?

Os pais estavam orgulhosos, o Ricardo aprendeu bem a lição.

— É isso mesmo, querido.

— Então, agora podemos ir lanchar?

— Vamos lá, então. Que tal uma peça de fruta e pãozinho?

O Ricardo concordou e deu a mãe à mãe. Agora que já estava mais descansado o apetite tinha voltado.

Ana Silva, 2020, Lápis Mágico

Descarrega fichas de trabalho sobre Não quero ficar sem dentes!:

Não quero ficar sem dentes!, ficha pdf nº1
Não quero ficar sem dentes!, ficha pdf nº1

Adira à nossa lista especial para receber conteúdos didáticos